Wednesday, January 20, 2010

CASA PIA - PAULO PEDROSO NÃO LEVOU A SUA AVANTE

Paulo Pedroso (o famigerado Merdoso...) tentou, tal como o seu colega Gama tinha tentado, reduzir ao silêncio os rapazes que o tinham acusado de abusos sexuais.

Processou-os e agora chega-se, finalmente, ao acórdão da Relação que dá como improcedente a queixa do Merdoso.

Realmente estas coisas da Justiça são engraçadíssimas: o réu, o arguido, pode mentir à tripa forra que ninguém lhe vai à mão, nem sequer é ajuramentado. Mas as vítimas, no douto entender do Gama e do Merdoso, só deveriam abrir a boca se tivessem testemunhas e (talvez) depoimentos das mesmas, para memória futura, devidamente assinados e, como testemunhas, devidamente ajuramentadas.

As vítimas deviam conformar-se com a sua condição de vítima e nem pensar em denunciar os senhores doutores sem ter provas provadas. É comer (ou ser comido...) e calar!

Sem isso, os senhores doutores processá-los-iam por difamação e atentado à consideração e bom nome.

Um bando de cabrões, é o que eles são!

Veja o post sobre este assunto, ali abaixo, que foi actualizado.

2 comments:

Anonymous said...

... e não há ninguém que mate a tiros estes gajos...

Maria de Fátima said...

mandei-te ontem um mail com mais um caso da tripa forra em que vivemos
cabrões é pouco que nem merecem sequer ser designados
TODOS os que fizeram e mais ainda (dá-me uma raiva) os carinhas de anjo que os tapam